Cidade recebeu mais visitantes neste feriado prolongando em relação ao de 2016

A crise econômica ainda respinga com força no Brasil, mas em Foz do Iguaçu o turismo ganha fôlego. No feriado de Corpus Christi, o número de visitantes nas Cataratas do Iguaçu e na Itaipu Binacional, principais atrativos da cidade, superou o total de 2016.

Pelos portões do Parque Nacional do Iguaçu passaram 25.639 pessoas, 40% a mais que ano passado, ou seja, 18.283. Na Itaipu Binacional o cenário não foi diferente. O Complexo Turístico Itaipu (CTI) recebeu um fluxo de 10.757 visitantes, 31% a mais do feriado de 2016 entre os dias 26 e 29 de maio, quando 8.219 pessoas frequentaram a usina.

No complexo da Itaipu, as atrações mais procuradas foram o Polo Astronômico, onde além da visitação tradicional há exposição de Meteoritos que fica aberta até dia 9 de julho, e o Kattamaran. Os dois ambientes tiveram crescimento turístico respectivo de 118% e 106%, em relação ao mesmo período no ano passado.

IMG-20170505-WA0003

Exposição de meteoritos, aberta até dia 9 de julho, é uma das atrações do Polo Astronômico. Foto Divulgação.

Mas o campeão da preferência turística continua sendo a Visita Panorâmica por onde passaram 7 mil visitantes, 22% a mais que o feriado do ano passado. Outro índice interessante na Itaipu foi o expressivo fluxo de turistas de municípios lindeiros, que não pagam ou têm desconto de 50%, dependendo do passeio. O número praticamente dobrou: foram 826 em 2016 e 1.584 neste ano.

Para o Secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla, o bom desempenho do setor deve-se à condição da cidade. “Foz do Iguaçu está em evidência. É um destino que se destaca pela qualidade dos seus atrativos e pela excelente relação custo benefício da sua hotelaria”. Piolla ainda ressalta o fortalecimento do turismo regional que é um dos focos da gestão integrada implementada na cidade.

Gerente do CTI/Itaipu, Yuri Benites avalia que o aumento no número de visitantes deve-se ao cenário de otimismo na economia. “Acreditamos que o aumento da visitação se deve a um maior otimismo com a economia e à grande procura dos turistas por Foz do Iguaçu. Percebemos que o destino está cada vez mais consolidado entre as principais escolhas dos turistas brasileiros”, afirma.

Denise Paro com Assessoria Itaipu

Foto Alexandre Marchetti/Itaipu