Apreensão é a maior realizada no país pela PRF

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam por volta das 9h de hoje 56 pistolas escondidas no fundo falso de um veículo Ford Belina ano 90, no posto de Santa Terezinha de Itaipu, na BR-277, nos limites de Foz do Iguaçu.  O carro era ocupado por uma família de cinco pessoas, incluindo um bebê de colo.

Os policiais fizeram a abordagem durante fiscalização de rotina e ao revistarem o veículo identificaram as armas no assoalho da Belina. Do total recolhido, 30 pistolas são da marca Glock, das quais 25 calibre 9 milímetros, e outras cinco, ponto 40. O restante é da marca Taurus e de calibre 9 milímetros.  As armas são de uso restrito das corporações de segurança. Os policiais ainda encontram 50 munições 9 milímetros e cinco de calibre ponto 40. Essa foi a maior apreensão de armas feita pela PRF em todo país.

A família que estava na Belina, um casal, ambos com 37 anos, e a prima da esposa, 24 anos, foi levada à Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu. A criança, de 1 ano, está com o Conselho Tutelar de Santa Terezinha de Itaipu. No corpo da mãe do bebê foram encontradas as 50 munições.

apreensão armas

Veículo foi levado a rampa para ser vistoriado. Fotos Assessoria PRF

Segundo o chefe da Delegacia da PRF de Foz do Iguaçu, Luiz Antônio Gênova, o motorista do veículo assumiu que transportava armas. A polícia vai investigar o caso para saber de onde o casal trouxe as armas. “Certamente não se trata de criminosos pequenos”, afirma Gênova.

O motorista disse que a família mora em Curitiba  e estava em viagem de turismo, mas não informou qual seria o destino das armas.

O casal irá responder pelo crime de tráfico internacional de armas, cuja pena prevista é de 12 anos de prisão.